beleza

Sai daqui, bicho chato!

 

Bastou a temperatura subir um nadinha e minha casa já está infestada de pernilongos! O horror, o horror.

Os repelentes elétricos (aqueles de colocar na tomada) costumavam ser eficazes, mas acho que os insetos estão vitaminados esse ano, estão mais resistentes aos venenos e viraram mutantes canibais, sugadores de sangue.

Felizmente não sou alégica à picadas, por isso não sinto o incômodo da picada na forma de coceira, mas e as marcas? Sério, parece catapora. Já assustei pelo menos meia dúzia de mamães zelosas por aí.

Além disso eles escolhem os locais mais inusitados para o ataque noturno. Depois de deixar um rastro de bolinhas pelo meu rosto, braços e mãos, ontem encontraram um local inexplorado e hoje acordei com duas picadas na sobrancelha (?!). Parece brincadeira, mas é bem irritante, principalmente porque o verão ainda nem chegou, imagino o que ainda está por vir.

Se você mora em uma megalópole urbanizada asséptica, parabéns, morro de inveja nesse sentido, porque  a minha casa fica lá detrás do mundo, onde eu vou em um segundo quando começo a cantar. Assim… não é um matagal enluarado, nem tem um laguinho com patos na frente, mas é área rural, daí vocês podem deduzir que minha vontade aqui não prevalece, mas a da natureza. E da Polícia Florestal, que existe sim e é bem ativa, além de ter severas restrições quando a gente chama as moitas de criadouros de mosquitos.

Enfim, vamos repelir, né?

repelentes

Dois companheiros inseparáveis do meu verão. A Johnson’s Baby Loção Antimosquito tem efeito de até quatro horas, o que quer dizer que precisa ser reaplicada durante a noite. Fora esse inconveniente, é muito eficiente.

O OFF! Cosmetic é meu preferido e infelizmente é mais difícil encontrar – online a oferta é maior. Como ele é mais cremosinho (não oleoso) o efeito repelente dura mais – pelo menos essa é minha impressão. Justamente a mesma cremosidade não rende, o frasco é muito pequeno, não entendo porque fazer uma embalagem tão pequena de um produto que precisa cobrir uma área grande do corpo.

Mas ele tem mais duas vantagens: não tem aquele cheiro característico de repelentes comuns, além de não detonar o esmalte das unhas, que tal?

Se mesmo assim você for atacada pelos “insetos de verão”, duas dicas: não coce, por maior que seja a tentação. Peça a seu médico uma pomada antialérgica. Nossas mãos são cheias de bactérias e coçar a picadinha pode ser a deixa que os bichinhos precisam para começar uma infecção mais complicada.

Também não se esqueça de passar bloqueador sobre as picadas e áreas avermelhadas, pra não ganhar lembranças eternas, na forma de manchas.

5 comentários

  1. Vivi, adorei a dica. Moro em zona urbana, o que não vejo vantagem nenhuma, porque quando os pernilongos, tem que atacar, atacam mesmo, onde quer que estejam.

    Em mim, uso o OFF, e no meu filho o OFF Kids, é excelente mesmo, tem um cheirinho delicioso, não fica com o corpo melado, e sua duração é de 6 horas sem reaplicar. Fora isso, deixo sempre ligado, aqueles aparelhos elétricos, mas realmente os comuns, não fazem mais efeito.Então comprei o SBP de citronela, pode comprar, porque esse é tiro e queda, repele mesmo.

    Para as alérgicas a picadas, não sou médica, mas com a experiência que tenho nesse assunto, uma pomadinha ótima é Fenergan Creme.

    Bjão

  2. Talita disse:

    Olá! tenho sorte , apesar de morar praticamente no centro da cidade aqui em casa não tem pernilongos!

  3. Lê ! disse:

    Nem me fale dos pernilongos.. Aqui eles ainda não chegaram, maaaas.. eu sei o que me espera.. Off é a salvação! hahahah
    Estou seguindo, viu^^

    Bjinhoo*

    Lê !

  4. Mari Ohira disse:

    “… a minha casa fica lá detrás do mundo, onde eu vou em um segundo quando começo a cantar.” Ahahaha, boa! Tinha me esquecido dessa música.

    Eu moro na megalópole urbanizada, mas nem tão asséptica quanto eu gostaria. Como moro acima do quarto andar, os pernilongos aqui não chegam por acaso, mas por livre e espontânea vontade: por elevador! De vez em quando, as câmaras flagram pessoas se debatendo sozinhas no elevador – tentando matar ou fugir dos pernilongos.

    No térreo, entretanto, os bichinhos estão à solta. Sempre passo a loção antimosquito Johnson’s Baby quando desço para a sala de ginástica – muuuito raramente. Acho bem eficiente e não me parece tão agressiva quanto os outros repelentes.

  5. Oi Vivi!
    Menina, tenho um problema sério com pernilongos também quando estou na chácara.
    Além de eu ser alérgica as picadas, se passo o Off normal, não testei ainda o Cosmetic, atraio abelhas…rs
    Qualquer perfume diferente, mais forte, começam a aparecer abelhas e outros mosquitos estranhos, então evito qualquer produto que tenha cheiro.
    Beijos, seu blog está lindo, estou na maior torcida por você!

Deixe um comentário :D